3 dicas que só um bom corretor de imóveis pode te dar

3 dicas que só um bom corretor de imóveis pode te dar

Entregar um imóvel para ser administrado por um corretor requer, antes de tudo, confiança. Afinal, o corretor de imóveis será o seu representante diante do mercado e dos candidatos à locação e é ele quem vai estabelecer valores, fazer a divulgação do imóvel a ser alugado, conduzir negociações, encaminhar propostas e dar andamento à burocracia que antecede a assinatura do contrato de locação, cuidando para que tudo esteja de acordo com a legislação, o que é fundamental para garantir a segurança de locador e de locatários.

Contudo, mais do que isso, o corretor também deve prestar uma consultoria adequada para que o imóvel esteja nas melhores condições para ser alugado. Confira nesse post três dicas que o seu corretor de imóveis deve te dar!

corretor de imóveis

Valor

Uma prática muito prejudicial para o mercado de locação é a atribuição incorreta do valor de locação de um imóvel. Seja por desconhecimento de mercado ou por apenas querer conquistar o locador em um primeiro momento, alguns corretores atribuem valores de aluguéis que vão além do que realmente o imóvel comporta, o que acaba criando expectativas incorretas e frustrações com a demora em alugar, que pode acontecer até por tempo indefinido, dependendo do tamanho do erro cometido pelo corretor.

Neste caso, o locador tem o prejuízo de ter que arcar com as despesas do imóvel fechado e com a falta do recurso que o aluguel proporciona. Ao mesmo tempo, o próprio corretor se vê prejudicado por ter que trabalhar com um imóvel fora de preço e a pessoa que está procurando por um aluguel justo acaba perdendo a oportunidade de alugar um imóvel que atenderia às necessidades dela.

Também pode acontecer de o corretor atribuir um valor de aluguel muito aquém do que o imóvel merece. Neste caso, se for com o conhecimento do proprietário do imóvel que acata o valor por questão de conveniência, sobretudo em tempos de crise, esta situação pode até ser aceitável. Porém, se a subvalorização ocorre por erro, ela causará prejuízos para o locador.

Portanto, um bom corretor de imóveis sempre dará a melhor orientação sobre o valor do seu imóvel, inclusive sobre a necessidade de reduzir preços, se for saudável para uma negociação, de acordo com as condições do imóvel.

Estado de conservação

Um imóvel sujo, com paredes descascadas, instalações em más condições e com defeitos aparentes ou ocultos certamente encontrará maiores dificuldades de ser alugado e dificilmente será alugado pelo valor correto se encontrar um candidato. Portanto, o bom corretor também será capaz de orientar sobre itens que merecem a atenção do proprietário, recomendando reparos, manutenções e até pequenas reformas que poderão adequar o imóvel ao mercado ou mesmo valorizá-lo diante de candidatos à locação.

Garantias de recebimento dos aluguéis

De nada adianta o corretor resolver o problema de encontrar um candidato disposto a assinar o contrato de locação se aquele candidato de fato não tem condições de garantir o pagamento. Por isso, o bom corretor sempre faz uma triagem rigorosa das candidaturas e protege o locatário com garantias de pagamento, seja por meio de um fiador, por meio de um depósito de aluguéis antecipados ou mesmo pela contratação de um seguro fiança, que é pago pelo inquilino do imóvel para criar uma cobertura que será suficiente para cobrir atrasos ou inadimplências de pagamentos.

Essas são três dicas básicas que um bom corretor deve dar na hora de prestar a consultoria do seu imóvel. Você conhece mais alguma boa dica que ficou de fora da nossa lista? Compartilhe conosco através dos comentários, queremos saber a sua opinião!

cta imovel mais rapido

Jeferson Gralha
Jeferson Gralha
Jeferson Gralha é especialista em transações e administração de negócios imobiliários e trabalha pela excelência contínua da prestação de serviços e melhorias do setor.
Recommended Posts

COMECE A DIGITAR E APERTE ENTER PARA BUSCAR

3 dicas para uma casa nova com mais segurança