A importância da vistoria para quem tem casas para alugar

A importância da vistoria para quem tem casas para alugar

Atualmente, o número de proprietários que possuem mais de um imóvel para alugar tem crescido e, com esse crescimento, também surge a oportunidade de melhorar a renda. Entretanto, à medida que o número de casas para alugar aumenta, o cuidado com as condições dos imóveis deve ser redobrado, a fim de evitar que o locador tenha seus bens deteriorados e fique no prejuízo. Pensando nisso, é fundamental que cada proprietário valorize o serviço de vistoria e use esse momento para garantir os seus direitos frente a possíveis desentendimentos com o locatário.

Entenda agora a importância da vistoria e saiba o que analisar durante a visita ao imóvel!

vistoria-blog-gralha

A vistoria auxilia na manutenção do imóvel

Ao contrário do que muitos proprietários pensam, o serviço de vistoria não serve somente como uma ferramenta de cobrança entre locador e locatário. É claro que, hoje em dia, ele é o principal instrumento utilizado para avaliar as condições de um ambiente, mas os seus benefícios vão muito além de garantir a readequação de um espaço.

Entre as vantagens de uma boa vistoria está o auxílio da manutenção do imóvel. Ao fazer uma visita com análises detalhadas, você consegue perceber facilmente os elementos que necessitam de reparos ou até mesmo de reformas, mantendo o imóvel sempre em condições adequadas e atrativo para possíveis novos clientes.

Garanta registros da situação do imóvel

A vistoria deve ser feita com o acompanhamento de uma boa câmera para registro das fotos do imóvel. Além dos registros gerais, como fotos externas e do cômodo inteiro, busque focar a imagem nos detalhes mais importantes. Esse cuidado é imprescindível e servirá para consultas posteriores caso surja algum problema com determinada área do imóvel. Dispor de imagens de qualidade das casas para alugar facilita também o trabalho do locatário, que contará com o máximo de informações para fazer a sua escolha.

Analise detalhadamente cada item do imóvel

Para evitar imprevistos, confira os principais itens a serem analisados na vistoria antes de fechar um contrato com o locatário:

Instalações elétricas

Elementos como tomadas e bocais para lâmpadas devem ser testados. Se existir campainha, deve-se conferir o funcionamento do som.

Instalações hidráulicas

Todas as torneiras da casa devem ser abertas para conferir o fluxo da água e a pressão. Deve-se também testar se a descarga do banheiro está funcionando corretamente e sem entupimentos.

Portas e janelas

As portas e janelas devem ser todas abertas e fechadas para conferir se há ruídos ou se estão emperradas. Verificar também a condição da pintura de cada elemento e esquadrias.

Pisos, forros e paredes

Pisos em áreas molhadas merecem atenção nos rejuntes, onde podem existir manchas. É importante conferir se não há azulejos ou madeira quebrada, verificar a condição dos rodapés e detectar possíveis infiltrações no forro, parede ou piso.

Elabore um contrato detalhado

Após realização da vistoria, é importante que o laudo esteja bem detalhado no contrato de aluguel, garantindo que o locatário possa também fazer sua avaliação e esteja ciente da condição em que deve devolver o imóvel após o uso. O contrato é o documento que fará valer todas as negociações entre as partes, portanto, não deve deixar de lado qualquer item importante do serviço de vistoria.

E você, como costuma trabalhar a vistoria dos seus imóveis? Deixe um comentário e participe!

cta

Jeferson Gralha
Jeferson Gralha
Jeferson Gralha é especialista em transações e administração de negócios imobiliários e trabalha pela excelência contínua da prestação de serviços e melhorias do setor.
Posts Recentes

COMECE A DIGITAR E APERTE ENTER PARA BUSCAR

Descubra como comprar um imóvel sem complicação