Quais os primeiros passos para realizar um financiamento imobiliário?

Quais os primeiros passos para realizar um financiamento imobiliário?

Financiar um imóvel é a alternativa escolhida por muitos brasileiros que tem o sonho de comprar a casa própria e não possuem o valor total do imóvel em mãos. Diante disso, muitos fatores são levados em conta na hora de fazer um financiamento imobiliário. Realmente vale a pena? Quais as vantagens? Quais as exigências pedidas? Quais documentos são necessários?

Todas essas perguntas acabam tornando o financiamento imobiliário um assunto complicado, o que, na verdade, não é. Para responder todas essas questões para você que pretende adquirir um imóvel por financiamento, a Gralha separou 5 passos fundamentais para que você não tenha problemas!

Quais os pré-requisitos?

Para realizar um financiamento imobiliário, você deve ser brasileiro nato ou naturalizado, ou estrangeiro com visto de permanência. Também é necessário ter mais de 18 anos e menos de 80 para imóveis residenciais, ou em caso de menor de idade, ser emancipado. Além de comprovar renda e ter ficha cadastral limpa no SPC e Serasa.

Simulação na agência bancária é necessária?

Sim, pois com a simulação é possível analisar como o financiamento irá ficar e se a despesa estará dentro do seu orçamento. Além disso, quando a simulação é feita, a facilidade de comparação de taxas e propostas entre as instituições é ainda maior.

Organização e envio da documentação

Agora é hora de reunir todos os documentos necessários para dar continuidade ao financiamento. Nesse momento, é importante ficar atento se o imóvel não tem nenhuma restrição como pendências de IPTU e condomínio, falta de registro em cartório, entre outras. Além dos documentos do imóvel, é necessário o envio dos seus documentos como, por exemplo: RG, CPF, Comprovante de Residência, Comprovante de Renda.

Aguardar a análise jurídica e de crédito

Nessa etapa, a instituição financeira faz a análise dos documentos entregues, para aprovação ou não do financiamento. Essa análise pode demorar até 30 dias.

Assinatura do contrato

Após todas as etapas é hora de concluir o financiamento do imóvel. Agora, o banco ou instituição financeira emitirá o contrato para ser assinado e registrado no Cartório de Imóveis, formalizando a operação. É hora também de pagar o Imposto de Transmissão de Bens e Imóveis (ITBI).

É importante ressaltar que a porcentagem de financiamento e de taxas podem variar de acordo com as regras de cada instituição bancária. Por isso, consulte um profissional para ter certeza de que você estará fazendo a melhor escolha!

Para você que está pensando em comprar seu imóvel utilizando o FGTS, vale a pena dar uma conferida nessas dicas que a Caixa Econômica separou.

Restou alguma dúvida? Entre em contato conosco. Teremos prazer em atendê-lo!

Posts Recentes

COMECE A DIGITAR E APERTE ENTER PARA BUSCAR